453 capítulos
  Título Autor Editora Formato Comprar item avulso Adicionar à Pasta
Medium 9788502105706

12. Ventos novos na sociologia jurídica brasileira*

Campilongo, Celso Fernandes Editora Saraiva PDF

12. Ventos novos na sociologia jurídica brasileira*

Integrei a banca examinadora da versão original deste livro, apresentado na Faculdade de Direito da USP como tese de doutorado. Conhecia o Autor e seu ótimo livro anterior — O direito na teoria dos sistemas de Niklas Luhmann

(São Paulo, Max Limonad, 2006). Tratava-se, portanto, desde o início, de leitura realizada com prazer e elevada expectativa. Concluí a análise certo de que a obra era importante. Confirmei a impressão durante a defesa da tese, aprovada com os maiores elogios pela Comissão Julgadora. Imediatamente colhi autorização do Professor Orlando Villas Bôas Filho para encaminhar o trabalho à Dra. Manuella Santos, da Editora Saraiva. O CNPq encarregou-se de premiar o trabalho como a melhor tese de doutorado em Direito do ano. A

Saraiva incumbiu-se da publicação.

A reflexão sobre a política e a economia, não raras vezes, esbarra em exercícios que, do prisma analítico, não são capazes de ir além da construção de mundos ideais. Os exemplos são incontáveis. Se o poder gera assimetrias e distorções, no lugar delas “wishful thinking”! Se o mercado e a competição acirram desigualdades, em seus postos a magia dos chavões: solidariedade e cooperação! Com o direito não é diferente. Se a ordem jurídica exclui e discrimina, que seja imposta a eficácia do “Direito Fundamental às Pretensões Ilimitadas”! Tudo simples, mecânico e direto: valores universais e princípios inquestionáveis capazes de banir os obstáculos ao bom, justo, equânime e includente funcionamento do direito. Quem se atreveria a discordar desses valores e princípios? Ninguém! Só aplausos e concordâncias.

Ver todos os capítulos
Medium 9788521619123

Capítulo 8 - Valores e Normas Sociais; Controle e Desvio Social

Marques, Sílvia Grupo Gen - LTC PDF

Capítulo 8

Valores e Normas Sociais;

Controle e Desvio Social

Quebrando o gelo

Escreva um pequeno texto (10 linhas/Arial 12) comentando um fato que você conheça por meio da vivência, dos noticiários ou de obras ficcionais sobre um ato criminoso ou de extrema coragem. Use exemplos de filmes, reportagens ou de conhecidos para falar sobre pessoas que se arriscaram para ajudar os outros, evitar acidentes e salvar vidas.

Colocando em pratos limpos

Quais são os conceitos de valor e de norma social? E os de controle e desvio social?

Como os valores, normas e controle se manifestam e interferem na vida das pessoas e da sociedade de um modo geral?

Desvios são sempre atitudes negativas e criminosas?

Principais conceitos

Ao abrirmos torneiras, esperamos que delas saia água limpa. Ao tocarmos nos interruptores, esperamos que as lâmpadas se acendam. Ao marcarmos um compromisso, esperamos que as pessoas compareçam no horário combinado. Para que a sociedade funcione bem, é preciso que as pessoas sigam uma série de regras e adotem comportamentos previsíveis. Ao dizer “bom dia” a alguém, ao entrar no elevador, por exemplo, é natural que recebamos outro “bom dia” ou um sorriso como resposta. Se a pessoa nada responder e não esboçar nenhuma expressão gentil, com certeza a acharemos estranha e mal-educada.

Ver todos os capítulos
Medium 9788521611295

Capítulo 17 - E o Pai?

Winnicott, D.W Grupo Gen - LTC PDF

CAPÍTULO 17

E o Pai?

N

o decorrer do meu trabalho, muitas mães têm debatido comigo a questão: E o pai? Suponho ser um fato claro para todo mundo que, em tempos normais, depende da atitude que a mãe tome, o pai acabar ou não por conhecer o seu bebê.

Há todo um rosário de motivos pelos quais é difícil para um pai participar na criação do seu filho pequeno. Para começar, raramente estará em casa quando o bebê está acordado.

Mas, muitas vezes, mesmo quando o pai está em casa, a mãe acha um pouco difícil saber quando utilizar seu marido ou quando desejar que ele saia do caminho. Sem dúvida, é com frequência muito mais simples deitar o bebê antes que o pai chegue, assim como é boa ideia ter as lavagens prontas e a refeição preparada. Mas muitas mães concordarão, baseadas na própria experiência, que constitui uma grande ajuda na relação entre pessoas casadas que elas compartilhem, cotidianamente, os pequenos detalhes que parecem idiotas para os que veem o problema de fora, mas que se revestem de uma tremenda importância, na época, tanto para os pais como para a criança. E quando o bebê cresce, a riqueza de detalhes aumenta, tornando cada vez mais profundo o vínculo entre o pai e a mãe.

Ver todos os capítulos
Medium 9788541202749

CAPÍTULO 32 - Harmonizando as relações no judiciário por meio da implantação do Sistema de Mediação Transformativa Organizacional – adquirindo novas competências e promovendo ambiente de trabalho colaborativo

Seixas, Maria Rita D'Angelo Grupo Gen - Editora Roca Ltda. PDF

CAPÍTULO

32

Harmonizando as relações no judiciário por meio da implantação do Sistema de

Mediação Transformativa

Organizacional – adquirindo novas competências e promovendo ambiente de trabalho colaborativo

Eliara Pontes Ramos

Ellen Navega Dias

Maria Cristina Paciléo Trevisan

Maria Elena Rise de C. Vianna

Mathias M. Wolff

Por que acreditamos que este capítulo cabe neste livro

O Judiciário é o local onde se concentram desentendimen­ tos, relações pesadas e sofridas, principalmente nas varas familiares.

É neste contexto que os funcionários que trabalham nos cartórios judiciais recebem, diariamente, relatos e discursos daqueles que passam por situações de conflito, raiva, de­ cepção e agressividade, quando não de violência explícita.

Nosso trabalho foi desenvolvido com esses profissionais tão importantes na atuação dos processos judiciais, mas pouco conhecidos e reconhecidos como tal. Por esse motivo, entre outros, pensamos em relatar aqui como aconteceu este trabalho que acreditamos veio contribuir de outra forma expressiva para a pacificação social.

Ver todos os capítulos
Medium 9788521621478

7 - Estresse e Bem-Estar

Hitt, Michael A. Grupo Gen - LTC PDF

7

estresse e bem-estar explorando o comportamento em ação

Greve por Menos Estresse na Verizon

A

remuneração é boa, e os bônus relacionados a vendas podem ser bastante generosos. Assim, por que os representantes da central telefônica de atendimento ao cliente (call-center) da Verizon decretaram greve por 18 dias, vários anos atrás? A resposta é, em parte, o excesso de estresse.

A Verizon, uma empresa que faz parte da lista Fortune

100, com receitas superiores a US$107 bilhões, depende

objetivos do conhecimento

Depois de ler este capítulo, você deve ser capaz de:

1. Definir estresse e distinguir entre os diferentes tipos de estresse.

2. Compreender como o corpo humano reage ao estresse e ser capaz de identificar os sinais de quem

é vítima de um estresse demasiadamente grande.

3. Descrever dois importantes modelos de estresse no ambiente de trabalho e os fatores de estresse mais comuns relacionados ao ambiente de trabalho.

4. Reconhecer como diferentes pessoas passam pela experiência do estresse.

5. Explicar as consequências do estresse para o indivíduo e para a organização.

Ver todos os capítulos
Medium 9788502175976

RESOLUÇÃO NORMATIVA N. 18, DE 18 DE AGOSTO DE 1998

Mafei Rabelo Queiroz, Rafael; Editora Saraiva PDF

258 Migração de Trabalhadores para o Brasil

Art. 1º Serão submetidas ao Conselho Nacional de Imigração as situações especiais e os casos omissos, a partir de análise individual.

§ 1º Serão consideradas como situações especiais aquelas que, embora não estejam expressamente definidas nas Resoluções do Conselho

Nacional de Imigração, possuam elementos que permitam considerá-las satisfatórias para a obtenção do visto ou permanência.

§ 2º Serão considerados casos omissos as hipóteses não previstas em Resoluções do Conselho Nacional de Imigração.

Art. 2º Na avaliação de pedidos baseados na presente Resolução

Normativa, serão observados os critérios, princípios e objetivos da imigração, fixados na legislação pertinente.

Art. 3º As decisões com base na presente Resolução Normativa não constituirão precedentes passíveis de invocação ou formarão jurisprudência para decisão de qualquer outro órgão.

Art. 4º Fica revogada a Resolução n. 32, de 19 de outubro de 1994.

Art. 5º Esta Resolução Normativa entra em vigor na data de sua publicação.

Ver todos os capítulos
Medium 9788521621478

11 - Grupos e Equipes

Hitt, Michael A. Grupo Gen - LTC PDF

grupos e equipes

11

explorando o comportamento em ação

Trabalho em Equipe na Starbucks

A

Apesar de terem ocorrido alguns óbices ao longo dos

últimos anos, a Starbucks continua sendo um dos casos de empresas mais bem-sucedidas na história contemporânea. O crescimento e o sucesso financeiro da empresa têm sido nada menos que fenomenais. No início de 2010, a Starbucks contava com mais de 16.000 estabelecimentos comerciais em mais de 45 países. No ano fiscal de

2009, as vendas totalizaram 9,7 bilhões de dólares. No que se refere ao trimestre mais recente para o qual existiam dados disponíveis quando da publicação da edição norte-americana deste livro, os lucros da empresa se elevaram enquanto a recessão global começava a ceder. Além de suas cafeterias e quiosques, que você provavelmente conhece, a empresa ingressou em vários empreendimentos e parcerias de sucesso. Por exemplo, uma parceria com a PepsiCo produz o

Frappuccino, uma bebida de café envasada, e uma parceria com a Unilever produz o sorvete com sabor de café, que

Ver todos os capítulos
Medium 9788521620266

3.13 Compatibilidade e Consistência

Valente, Paulo Gurgel Grupo Gen - LTC PDF
Medium 9788530940782

Capítulo 15 - RECURSO

Alvim, J. E Carreira Grupo Gen - Editora Forense PDF

15

RECURSO

Recurso: notas características e conceito. Duplo grau de jurisdição. Natureza jurídica do recurso. Pressupostos recursais. Sucumbência: conceito e classificação. Fundamento do recurso. Juízo de admissibilidade e juízo de mérito. Efeitos do recurso. Reflexos da interposição do recurso sobre a relação processual. Classificação dos recursos. Tipologia recursal. Proibição de reformatio in peius.

Recurso: notas características e conceito

A palavra recurso provém do latim recursus, que traz a ideia de voltar atrás; daí o emprego dessa palavra para traduzir o ato através do qual se pede o reexame da questão decidida.

Proferida uma decisão, quem tiver interesse na sua reforma ou modificação pode impugná-la por intermédio do recurso.

O termo “recurso” tem o sentido técnico-processual de meio de impugnação das decisões.

Lopes da Costa aponta as seguintes notas características do recurso: a) ser um ato da parte; b) dirigir-se contra um ato do juiz; c) pretender um novo ato judicial; d) que confira situação processual mais favorável.

Ver todos os capítulos
Medium 9788521621478

Estudo de Caso de Abertura - Alimentos Saudáveis, Pessoas Saudáveis

Hitt, Michael A. Grupo Gen - LTC PDF

ESTUDO DE CASO DE ABERTURA

alimentos saudáveis,

pessoas saudáveis

O

Whole Foods Market é o maior varejista de alimentos naturais em todo o mundo. Operando principalmente nos Estados Unidos, bem como no Canadá e no Reino Unido, a Whole Foods vende produtos alimentícios naturais e orgânicos que incluem frutas, carnes, aves, frutos do mar, produtos de mercearia, produtos cozidos e preparados, muitas bebidas tais como cervejas e vinhos, queijos, produtos florais e rações para animais de estimação. A origem da empresa data de

1978, quando John Mackey e sua namorada utilizaram

US$45.000 obtidos a título de empréstimo para inaugurar uma pequena loja de produtos naturais, então chamada de SaferWay. A loja era localizada em Austin,

Texas. John e sua namorada moravam em um espaço em cima da loja (sem sequer um chuveiro) porque foram

“despejados” do apartamento em que moravam, por armazenarem produtos alimentícios dentro dele.

Em 1980, Mackey desenvolveu uma parceria com Craig Weller e Mark Skiles, fazendo a fusão da SaferWay com a Clarksville Natural Grocer, de propriedade de

Ver todos os capítulos
Medium 9788521611295

Capítulo 30 - Diagnóstico Educacional

Winnicott, D.W Grupo Gen - LTC PDF

CAPÍTULO 30

Diagnóstico Educacional

O

que poderá um médico dizer de útil a um professor? Obviamente, não pode ensinar-lhe como ensinar e ninguém quer que um professor adote uma atitude terapêutica em relação aos alunos. Os alunos não são pacientes. Pelo menos, não são pacientes em relação ao professor, enquanto este está ensinando.

Quando um médico investiga o campo da educação, logo se encontra formulando para si próprio a seguinte pergunta: o conjunto do trabalho de um médico baseia-se no diagnóstico; o que é que, no ensino, corresponde a essa prática médica?

O diagnóstico é tão importante para um médico que já houve até uma tendência, nas escolas de Medicina, para ignorar o assunto da terapia, ou relegá-la a um canto onde pudesse ser facilmente esquecida. No auge dessa fase da educação médica, que foi atingido talvez há três ou quatro décadas, as pessoas falavam com entusiasmo sobre uma nova fase dessa educação em que a terapia seria a principal matéria ensinada.

Agora somos presenteados com notáveis métodos de terapia: a penicilina, a cirurgia eficiente e segura, a imunização contra a difteria etc., e o público é levado a crer que a prática da medicina progrediu por isso, quase ignorando por completo que esses importantes progressos ameaçam os alicerces da boa medicina, que estão num diagnóstico rigoroso. Se um indivíduo está doente e febril, e se lhe administram um antibiótico que o põe bom, ele pensa que foi bem tratado, mas sociologicamente

Ver todos os capítulos
Medium 9788521611295

Capítulo 24 - Roubar e Dizer Mentiras

Winnicott, D.W Grupo Gen - LTC PDF

CAPÍTULO 24

Roubar e Dizer Mentiras

A que teve diversos filhos sadios sabe que cada um deles apresentou profundos problemas, repetidas vezes, especialmãe

mente entre os dois e quatro anos de idade. Um dos filhos teve um período de gritos noturnos de intensidade bastante severa, de modo que os vizinhos pensaram estar sendo a criança maltratada. Outro recusou-se terminantemente a ser treinado em hábitos de asseio. Um terceiro era tão asseado e bom que a mãe ficava preocupada não fossem faltar à criança a espontaneidade e a iniciativa pessoal. Ainda outro era sujeito a terríveis explosões de cólera, talvez batendo com a cabeça contra obstáculos e retendo a respiração até a mãe ficar completamente fora de si, e a criança ficar com o rosto azulado, tão próximo quanto possível de uma convulsão. Uma longa lista poderia ser elaborada desse tipo de coisas que acontecem naturalmente no decorrer da vida de família. Uma dessas coisas desagradáveis que sucedem e que por vezes dão lugar a dificuldades especiais

Ver todos os capítulos
Medium 9788521620266

CONCLUSÃO

Valente, Paulo Gurgel Grupo Gen - LTC PDF

Este livro é o resultado de um esforço de resumir a prática diária de uma empresa, a teoria da firma, reunindo experiências da longa vivência financeira do autor, no sentido de criar um plano de voo básico para o gerente, para que ele identifique os principais

“radares” que poderão ajudá-lo e a sua empresa em seu percurso gerencial.

Vimos que o primeiro radar que orientará o gerente iniciante será o diagnóstico da operação. Nessa etapa, o gerente deve apontar as prioridades em termos de melhoria de gestão que deverão ser implementadas por meio de um relatório de gestão bastante detalhado.

O radar seguinte constitui-se no planejamento financeiro de curto prazo, que se caracteriza pela administração do fluxo de caixa da empresa dos trinta dias que se seguem, período crítico em que é possível antecipar problemas já com dados reais disponíveis, o que confere ao planejamento maior credibilidade. É importante fomentar a cultura do planejamento na empresa, responsabilizando os encarregados de cada departamento e cobrando metas.

Ver todos os capítulos
Medium 9788521605966

14. Medidas Fracasem Tempo de Crise: As Políticas de Segurança Públicano Brasil

Medici, André Cezar Grupo Gen - LTC PDF

14

Medidas Fracas em Tempo de Crise:

As Políticas de Segurança Pública no Brasil1

Leandro Piquet Carneiro

1  INTRODUÇÃO: UM SISTEMA DE JUSTIÇA CRIMINAL FRACO

E POUCO ATUANTE

O Brasil tornou-se uma sociedade democrática na década de 1980 e, por alguma razão que ainda não se entende muito bem, ao mesmo tempo, passou a ser um dos países mais violentos do mundo. O país estava em 2004 entre os 5% mais violentos do mundo, com uma taxa de homicídios que é quase três vezes a taxa média mundial de 9,2 naquele ano

(WHO, 2004).

Em todos os 26 estados que existiam em 1980, a taxa de homicídio de 2007 era maior do que em 1980 e em 8 deles a taxa aumentou mais de 200% no período. O problema é particularmente grave nos estados do Nordeste. O estado mais violento do Brasil em 2007 era Alagoas, com 60,4 homicídios para cada grupo de 100 mil habitantes, seguido pelos estados do Espírito Santo e Pernambuco, com taxas acima de 50 por 100 mil.2

As razões dessa transformação em um período em que houve uma melhora na distribuição de renda e no acesso a educação ainda não são conhecidas de forma satisfatória.

Ver todos os capítulos
Medium 9788521620266

6.6 Presença de Convidados nas Reuniões

Valente, Paulo Gurgel Grupo Gen - LTC PDF

Carregar mais