164 capítulos
  Título Autor Editora Formato Comprar item avulso Adicionar à Pasta
Medium 9788577807826

9. GESTÃO OPERACIONAL DO DESIGN

Mozota, Brigitte Borja de Grupo A - Bookman PDF

CAPÍTULO 9

GESTÃO OPERACIONAL DO DESIGN

Os três últimos capítulos referiram-se a diferentes situações de gestão que confrontam gerentes de design e gestores de empresas e ofereceram ferramentas para colocar em prática a gestão do design. Observaremos agora a prática da gestão do design sob o ponto de vista de três níveis de tomada de decisão:

O nível operacional do projeto, ou o primeiro passo para a integração do design

O nível funcional, ou a criação de uma função de design na empresa

O nível estratégico, ou o papel do design para unificar e transformar a visão da empresa

Na prática, a gestão do design controla três áreas:

A administração do valor agregado do design

A administração dos relacionamentos

A administração dos processos

Seu objetivo é construir, em longo prazo, credibilidade e confiança com relação à prática do design.

CRIAÇÃO DE UMA

DEMANDA PARA O

DESIGN

PETER PHILLIPS, 2002

Em primeiro lugar, é importante estar atento às decisões tomadas dentro da organização que pertencem ao domínio do design, mas que estão sob a responsabilidade de pessoas que não são designers.

Ver todos os capítulos
Medium 9788577806188

7. ADICIONANDO TRANSIÇÕES DE VÍDEO

Adobe Creative Team Grupo A - Bookman PDF

132 ADOBE PREMIERE PRO CS4

Classroom in a Book

Introdução

Ligar clipes com transições – dissolves, page wipes, spinning screens e muitos outros – é uma ótima maneira de levar os espectadores de uma cena para outra ou de atrair a atenção deles.

Adicionar transições ao seu projeto é uma arte. Aplicá-las começa de um modo bem simples; é um mero processo de arrastar e soltar. A arte entra no posicionamento, na duração e nos parâmetros, como bordas coloridas, movimento e cenários iniciais e finais.

A maior parte do trabalho com transições acontece no painel Effect Controls.

Além das várias opções únicas para cada transição, esse painel exibe algo chamado linha do tempo A/B, ou A/B timeline. Esse recurso permite mover transições em relação ao ponto de edição, alterar a duração da transição e aplicar transições a clipes que não têm um número suficiente de frames iniciais e finais.

Com o Adobe Premiere Pro, também é possível aplicar uma transição a um grupo de clipes.

Utilize transições com moderação

Ao descobrir as várias possibilidades de transições que o Adobe Premiere Pro oferece, você será tentado a empregá-las em todas as edições. Elas podem ser muito interessantes, embora seja recomendável utilizá-las com moderação.

Ver todos os capítulos
Medium 9788577806188

4. GERENCIANDO CONFIGURAÇÕES, PREFERÊNCIAS E CONTEÚDO

Adobe Creative Team Grupo A - Bookman PDF

74 ADOBE PREMIERE PRO CS4

Classroom in a Book

Introdução

Na maioria dos seus projetos do Adobe Premiere Pro CS4, nenhum esforço será necessário para alterar as configurações e preferências de projeto, embora seja interessante conhecer as opções disponíveis. Você vai aprender a gerenciar seus conteúdos no painel Project e aprofundar-se no Adobe Bridge CS4 – um navegador de conteúdos completo que trabalha com todos os produtos e tipos de arquivo do Adobe Creative Suite 4 Production Premium.

Selecione configurações de projeto por sequência

A regra ao selecionar configurações de projeto e sequência é corresponder as configurações ao material original e não à saída final. Manter a qualidade original do material faz com que, posteriormente, você tenha mais opções. Mesmo que seu objetivo seja criar um vídeo de baixa resolução para reproduzir na Internet, espere até terminar de editar e, então, reduza as configurações da qualidade de saída para deixar o vídeo pronto para a Internet.

Talvez você tenha uma mistura de fontes de mídia – widescreen, padrão, HDV e P2, por exemplo – entre seus conteúdos de projeto. Com o Adobe Premiere

Ver todos os capítulos
Medium 9788577805594

4. TRABALHANDO COM IMAGENS

Adobe Creative Team Grupo A - Bookman PDF

102 ADOBE DREAMWEAVER CS4

Classroom in a Book

Visualize o arquivo final

Para ter uma ideia do arquivo que será utilizado nesta lição, vamos visualizar a página concluída no navegador.

1 Abra o Adobe Dreamweaver CS4.

2 Se necessário, pressione F8 para abrir o painel Files e escolha DW CIB na lista de sites.

3 No painel Files, expanda a pasta lesson04.

4 Selecione o arquivo naxos-finished.html e pressione F12 (Windows) ou

Option+F12 (Mac) para visualizar a página em seu navegador principal.

A página inclui várias imagens, tanto de primeiro plano como de fundo e também uma imagem Photoshop Smart Object.

5 Feche seu navegador e retorne ao Dreamweaver.

Insira uma imagem

Imagens são componentes cruciais de qualquer página Web. O painel Insert tem alguns botões que tornam a inserção de uma imagem rápida e fácil. Você também pode adicionar alocadores de espaço de imagem ou substituir alocadores de espaço de imagem por imagens, como no primeiro exercício.

1 No painel Files, expanda a pasta lesson04 e dê um clique duplo no arquivo naxos-start.html para abrir o arquivo.

Ver todos os capítulos
Medium 9788577801107

2. Trabalhando com Elementos Gráficos

Adobe Creative Team Grupo A - Bookman PDF

54 ADOBE FLASH CS3 PROFESSIONAL

Classroom in a Book

3 Selecione a ferramenta Selection.

4 Arraste a ferramenta Selection em torno de todo o retângulo para selecionar o traço e o

preenchimento. Quando uma forma é selecionada, o Flash exibe-a com pontos brancos.

5 No inspetor de propriedades, digite 95 para a largura (width) e 135 para a (height) altura.

Pressione Enter ou Return para aplicar os valores.

Adicione um preenchimento de bitmaps

O preenchimento é o interior do objeto desenhado. Você pode aplicar uma cor sólida, um gradiente ou uma imagem em bitmaps (como um arquivo TIFF, JPEG ou GIF) como um preenchimento no Flash, ou especificar que o objeto não tem um preenchimento. Nesta lição, para dar ao copo impressão de que ele contém líquido, você importará uma imagem de água para utilizá-la como preenchimento. Você pode importar um arquivo de bitmap no painel Color.

1 Certifique-se de que todo o retângulo continue selecionado. Se necessário, arraste a fer-

ramenta Selection em torno dele novamente.

Ver todos os capítulos
Medium 9788577801480

1. Familiarizando-se com a Área de Trabalho

Adobe Creative Team Grupo A - Bookman PDF

1 Familiarizando-se com a

Área de Trabalho

Nesta introdução à área de trabalho, você aprenderá o seguinte:

• Utilizar a tela Welcome

• Abrir um arquivo do Adobe Illustrator CS3

• Selecionar ferramentas no painel Tools

• Utilizar as opções de visualização para expandir e reduzir a janela do documento

• Trabalhar com painéis, incluindo o painel Control

• Utilizar a ajuda do Illustrator

Introdução

Você irá trabalhar em um arquivo de arte durante esta lição, mas antes de começar, restaure as preferências padrão para o Adobe Illustrator CS3. Em seguida, abra o arquivo finalizado nesta lição a fim de ver a ilustração.

1 Para assegurar que as ferramentas e os painéis funcionem exatamente

como descritos nesta lição, exclua ou desative (renomeando) o arquivo de preferências do Adobe Illustrator CS3. Consulte “Restaurando as preferências padrão”, na página 19.

Nota: Devido às diferenças nas configurações de cor entre um sistema e outro, mensagens de alerta de perfis ausentes podem aparecer à medida que você abre os vários arquivos de exercícios. Clique em OK ao ver essa mensagem. Color Settings são discutidas na Lição 15, “Imprimindo Artefinal e Produzindo Separações de Cores”.

Ver todos os capítulos
Medium 9788577806188

9. APLICANDO FERRAMENTAS DE EDIÇÃO ESPECÍFICAS

Adobe Creative Team Grupo A - Bookman PDF

172 ADOBE PREMIERE PRO CS4

Classroom in a Book

Introdução

Nesta lição, você vai testar três ferramentas de edição específicas – Rolling Edit,

Slide e Slip – e dois botões do Program Monitor – Lift e Extract, que podem simplificar certas tarefas. Com a ferramenta Track Select, você vai mover facilmente

Timelines inteiras ou partes das Timelines. Você também vai aprender a utilizar transições que exigem o uso de elementos gráficos.

Você vai conhecer novas maneiras de mover e substituir clipes na Timeline, e aprender a criar subclipes a partir de clipes longos para organizar melhor seu projeto.

Posteriormente será apresentada a edição multicâmera. Se houver uma tomada de vídeo multicâmera, esse recurso alternará entre ângulos de câmera durante o processo de edição, o que economizará tempo.

Explore as ferramentas de edição para economizar tempo

As ferramentas Rolling Edit, Slide e Slip serão utilizadas em várias situações, como quando você quer preservar o tamanho total do seu programa ao aparar e editar cenas dentro dele. Elas são úteis para projetos precisamente sincronizados, como comerciais de 30 segundos. A ferramenta Rolling Edit já foi vista em ação no Trim Monitor.

Ver todos os capítulos
Medium 9788536305523

IDOSOS

Tilley, Alvin R Grupo A - Bookman PDF

IDOSOS

Atualmente, há mais norte-americanos com mais de 65 anos de idade do que adolescentes. Existem dados para uma população específica de idosos com idades entre 65 e 79 anos. Não há dados disponíveis para a faixa entre 80 e 90 anos.

O idoso alto sofreu uma perda de 5% da sua altura, comparada com a que ele tinha aos 20 anos de idade, devido a vários fatores. O homem idoso já não tem mais a vantagem do crescimento de 10 mm por década e suas cartilagens encolheram, principalmente na coluna vertebral. Além disso, a postura dos mais velhos tende a ser pior.

A idosa baixa perdeu 6% de sua altura, pelos mesmos motivos citados para o idoso.

Alguns outros fatores relativos aos idosos e às idosas:

• A força das mãos é reduzida em cerca de 16–40%.

• A força dos braços é reduzida em cerca de 50%.

• A força das pernas é reduzida em cerca de 50%.

• A capacidade pulmonar é reduzida em cerca de 35%.

• A maioria das dimensões corporais diminui com o aumento da idade.

• O nariz e as orelhas aumentam em largura e comprimento.

Ver todos os capítulos
Medium 9788577806188

15. TRANSCRIÇÃO DE ÁUDIO

Adobe Creative Team Grupo A - Bookman PDF

296 ADOBE PREMIERE PRO CS4

Classroom in a Book

Introdução

Embora não pareça óbvio pelos pequenos arquivos de exemplo utilizados nesta lição, a transcrição de fala pode ser um excelente otimizador de tempo, permitindo fazer pesquisas no texto para localizar o frame de um vídeo em que uma palavra específica é falada. Você pode adicionar facilmente marcadores ou editar pontos depois de utilizar esse recurso para localizar palavras-chave. Sem esse recurso, você precisaria deslizar ou reproduzir o áudio do arquivo para ouvir palavras-chave.

O Adobe Premiere Pro CS4 demora para transcrever um arquivo de áudio em texto. Mas esse processo pode ser executado em lote no segundo plano enquanto você trabalha em outra coisa. Observe que, depois que a transcrição ocorre, o texto transcrito torna-se parte dos metadados do arquivo de áudio. Mesmo se você exportar o arquivo, a transcrição permanecerá nele.

Transcreva áudio para texto

O primeiro passo para transcrever áudio em texto é inserir seu espaço de trabalho no espaço de trabalho Metalogging e tornar visível os metadados associados com seus arquivos na interface do Premiere Pro.

Ver todos os capítulos
Medium 9788577805594

8. TRABALHANDO COM FORMULÁRIOS

Adobe Creative Team Grupo A - Bookman PDF

198 ADOBE DREAMWEAVER CS4

Classroom in a Book

11 No campo Password, digite uma senha com oito caracteres, apenas de letras.

Pressione Tab.

Outra mensagem de erro aparece.

12 Clique no campo Password e digite uma senha com oito caracteres ou mais.

Pelo menos dois dos caracteres devem ser números. Pressione Tab.

13 No campo Repeat Password, digite uma senha diferente daquela que você digitou no campo Password. Pressione Tab.

O widget Spry Validation Confirm detecta que as duas senhas não correspondem e exibe uma mensagem de erro.

14 Volte ao campo Repeat Password e digite uma senha que corresponda com a entrada no campo Password. Pressione Tab.

15 Clique no campo Travel Plans e digite algo sobre uma viagem. Pressione

Tab.

16 Utilize os botões de opção para escolher um número de viajantes.

17 Nas opções Services, selecione qualquer serviço que você gostaria de solicitar.

18 Em Timelist, escolha quando você planeja viajar na lista Timeline.

● Nota: Nenhum dado de formulário é realmente salvo neste exemplo.

Ver todos os capítulos
Medium 9788577805617

5. MOVIMENTO E TRANSFORMAÇÃO ARTICULADOS

Adobe Creative Team Grupo A - Bookman PDF

LIÇÃO 5

Movimento e Transformação Articulados

Movimento articulado com cinética inversa

Para facilitar a animação de um objeto articulado (com várias junções), como uma pessoa caminhando ou o guindaste em movimento do nosso exemplo, o

Flash CS4 apresenta a cinemática inversa. A cinemática inversa é um meio matemático de calcular os diferentes ângulos de um objeto articulado para alcançar certa configuração. Você pode posicionar o objeto em um keyframe inicial e então definir uma posição diferente em um keyframe posterior. O Flash utiliza a cinemática inversa para descobrir os diferentes ângulos para todas as junções da primeira posição até a seguinte.

A cinemática inversa facilita o processo de animação porque você não precisa se preocupar em animar cada segmento de um objeto ou o membro de um personagem. Basta se concentrar nas posições gerais.

Defina os bones

O primeiro passo para criar movimento articulado é definir os bones (ossos) do objeto com a ferramenta Bone ( ). A ferramenta Bone informa ao Flash o modo como uma série de instâncias de movie clip é conectada. Movie clips conectados são chamados de armaduras (armatures) e cada movie clip é chamado de node.

Ver todos os capítulos
Medium 9788577806188

19. UTILIZANDO O PHOTOSHOP E O AFTER EFFECTS EM PROJETOS DE VÍDEO

Adobe Creative Team Grupo A - Bookman PDF

358 ADOBE PREMIERE PRO CS4

Classroom in a Book

Introdução

O Adobe Premiere Pro é uma ferramenta poderosa que também faz parte do

Adobe Creative Suite 4 Production Premium. Você pode comprar o Adobe

Premiere Pro separadamente e utilizar todos os recursos internos, ou comprá-lo como parte do Production Premium, onde ele faz parte de uma poderosa combinação de componentes integrados.

Quem trabalha com imagens gráficas impressas ou faz retoques de fotos provavelmente já utilizou o Adobe Photoshop. Considerado a força motriz do design gráfico, o Photoshop é uma ferramenta versátil e com uma importância cada vez maior no setor de produção de vídeo. Nesta lição, você vai aprender a utilizar os recursos de integração entre o Photoshop e o Adobe Premiere Pro.

O Adobe After Effects é o padrão no setor de produção de vídeo como uma ferramenta de animação de texto e de imagens gráficas em movimento. Nesta lição, você vai explorar a integração única entre o Adobe Premiere Pro e o After Effects para técnicas otimizadoras de tempo.

Ver todos os capítulos
Medium 9788536321318

Capítulo 12 - TRANSTORNOS DO SONO

Landeira-Fernandez, J. Grupo A - Artmed PDF

TRANSTORNOS DO SONO

188 poral do ciclo sono-vigília também pode ser confirmando a partir de nossa própria experiência.

Quanto mais tempo ficamos acordados, maior a nossa necessidade de dormir.

O sono é um estado de perda reversível, periódica e espontânea da consciência, em que se observa a presença de posturas estereotipadas, como ficar deitado com os olhos fechados, associadas à redução da atividade motora e processamento sensorial. Ao acordar, muitas vezes somos capazes de nos lembrar de imagens (predominantemente visuais) e vivências emocionais que experimentamos enquanto estávamos dormindo, as quais representam os sonhos.

Grande parte da aquisição do conhecimento acerca do sono e do sonho ocorreu com a observação de padrões de ondas elétricas do cérebro registradas por meio do eletroencefalograma (EEG). Além das ondas cerebrais, é importante também observar o movimento dos olhos e o tônus muscular, registrados, respectivamente, por meio do eletroculograma e do eletromiograma. Finalmente, pode-se ainda monitorar a atividade autonômica de uma pessoa durante o sono a partir de seus batimentos cardíacos e de seu padrão de respiração. Esses registros demonstram, de forma inequívoca, que o sono apresenta dois grandes períodos completamente distintos, denominados sono REM e sono não REM (NREM).

Ver todos os capítulos
Medium 9788577801480

11. Aplicando Efeitos

Adobe Creative Team Grupo A - Bookman PDF

11 Aplicando Efeitos

Nesta lição, você aprenderá o seguinte:

• Entender as diferenças entre filtros e efeitos

• Utilizar efeitos de distorção para criar o logotipo em banner

• Utilizar os efeitos Pathfinder e Distort & Transform

• Utilizar os efeitos do Photoshop para adicionar textura a objetos

• Criar objetos 3D na arte-final 2D

• Mapear a arte-final para as faces dos objetos de 3D

Introdução

Nesta lição, você criará vários objetos utilizando os recursos Texture,

Warp, 3D Effects e outros no Illustrator CS3. Antes de começar, é necessário restaurar as preferências padrão do Adobe Illustrator. A seguir, você irá abrir um arquivo contendo a arte-final para ver o que você vai criar.

1 Para assegurar que as ferramentas e os painéis funcionem exatamente

como descritos nesta lição, exclua ou desative (renomeando) o arquivo de preferências do Adobe Illustrator CS3. Consulte “Restaurando as preferências padrão”, na página 19.

2 Inicie o Adobe Illustrator.

Nota: Se você ainda não copiou os arquivos desta lição para o seu disco rígido a partir da pasta Lesson11 do CD que acompanha este livro, faça isso agora. Veja “Copiando os arquivos do Classroom in a Book”, na página 18.

Ver todos os capítulos
Medium 9788577805617

7. TRABALHANDO COM SOM E VÍDEO

Adobe Creative Team Grupo A - Bookman PDF

254 ADOBE FLASH CS4

Classroom in a Book

Introdução

Inicie a lição visualizando a animação do quiosque do zoológico pronta. Você vai criar o quiosque adicionando arquivos de som e vídeo a um projeto no Flash.

1 Dê um clique duplo no arquivo 07End.swf na pasta Lesson07/07End para reproduzir a animação.

Assista ao filme do urso polar com uma trilha sonora em estilo africano. O diretor do zoológico aparece na tela, fala e desaparece.

2 Clique em um dos botões sound para ouvir o som de um animal.

3 Clique em um botão de thumbnail para ver um filme curto sobre o animal.

Nesta lição, você vai importar arquivos de áudio e colocá-los na Timeline. Além disso, vai aprender a incorporar sons aos botões. Você vai usar o Adobe Media

Encoder para compactar e converter os arquivos de vídeo para formato apropriado para o Flash. Também vai aprender a trabalhar com fundos transparentes para criar o vídeo do diretor do zoológico.

1 Dê um clique duplo no arquivo 07Start.fla na pasta Lesson07/07Start para abrir o arquivo de projeto inicial no Flash.

Ver todos os capítulos

Carregar mais